No Eu Confesso para Adultos você desabafa em TOTAL ANONIMATO Atenção: Esta secção destina-se apenas a MAIORES DE 18 ANOS.

Transo com o meu padastro Feminino

Confissão ID: 236556 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.


quero anunciar neste espaço

É difícil guardar esse segredo so pra mim, to com vergonha mas preciso desabafar.
Ele e minha mãe moram juntos desde de qdo eu tinha 10 anos e hoje eu tenho quase 19 anos.
Vi e ouvi varias vezes ele e minha transando no quarto ouvia os gemidos da minha mãe, olhava pela fechadura do quarto ele já não é mais jovem e barrigudo, mas tem um pênis grande e grosso. No começo tinha nojo daquela cena qdo eu olhava era difícil imaginar minha mãe transado com uma pessoa ainda mais alguém q nao era meu pai, mas ao longo do tempo e depois de ouvir e ver milhares de vezes eles transando de ouvir minha mãe pedindo pra ele comer o cu dela ouvir a palavra soca tudo dos gemidos de ver na frecha da porta ele gozar na boca da minha mãe aquilo de perturbação começou a virar curiosidade e depois tesão não por ele mas de ter a mesma sensação de sentir algo dentro de mim.
Comecei a ver filmes pornos, me mastrubar, a introduzir coisas dentro da minha buceta mas me incomodava não sentia o q seria um real prazer.
Comecei a namorar um cara lindo gostoso charmoso me apaixonei e ele tbm vou me descrever pra vcs entenderem: sou branca, 1,55mt, 48kg, cabelos cumprindos, meus seios são pequenos e duros, bumbum firme e eu me acho uma mulher atraente mesmo nao sendo um mulherão.
Depois de muita insistência, misturado com tesão e pelo amor q sinto pelo meu namorado acabei sedendo e perdi minha virgindade com ele, foi muito bom mas não e sobre ele q qro falar hoje transamos ele e gostoso mas o pau dele nao chega perto do meu padrasto o charme nao são iguais.
E errado mas eu so pensava no meu padrasto e ele sempre me respeitou, mas sabia q rinha q fazer essa merda pra poder seguir em frente, muito preocupa com essa loucara sabia q era platônico mas tinha q tentar seduzi lo ou ao menos provoca lo e ver no q dá precisava seguir em frente.
Comecei a usar short sem calcinha, blusinhas sem sutiã, deixar minhas micro calcinhas usadas no banheiro, sair de toalha no banheiro, pedir as coisas no banheiro nua perto do espelho pra ele ter curiosidade, sentar de perna aberta na sala pra ele ver minha buceta, por mão na minha buceta sobre o short enquanto conversamos mas nada adiantou ele não dava bola pra mim.
O mês passado Dezembro antes do meu namorado vir me buscar a minha mãe e enfermeira e trabalha um dia sim e outro não então estamos sempre sozinhos em casa e eu fui tomar meu banho e dentro do banheiro tinha uma batata nao fiquei assustada mas tive a idéia de gritar e abrir a porta nua do banheiro achei a aportunidade perfeita e assim fiz liguei o chuveiro me banhei respirei e mesmo muito nervosa sai gritando nua pela porta do banheiro ele sai da sala com tudo e deu de cara comigo nua tremendo de frio meus seios estavam durinhos e meus biquinhos firmes ele me mediu de cima pra baixo por alguns segundos, me perguntou o q foi disse da barata ele foi la matou a barata e eu continuei nua ele ficou me olhando e eu dizendo q nao conseguiria entrar no banheiro com a batata la mesmo morta seguindo ele totalmente nua e eu gosto de raspar toda a minha buceta fica lisinha e ele pegando a barata no chão e me comendo com os olhos e eu fingindo como se nada tivesse acontecido como se estivesse vestida senti q deu certo, senti o volume na calça dele crescer, ele saiu eu entrei e sabiá q ele olharia pra minha bunda, fechei a porta do banheiro tomei meu banho bati uma siririca e saí com meu namorado.
Nos dias q se passaram eu continuei provocando ele mas desta vez ele estava dando bola me comendo com os olhos falando besteira mas me respeitando mesmo assim até q fomos assistir um filme na Netflix e resolvi me deitar no colo dele e senti a reação, senti o pau dele crescer na minha cabeça e comecei a esfregar qdo ele resolveu se arrumar mas mesmo assim sabiá q era àquele dia e qdo mais ele se mexia mais eu rossava minha cabeça no pau dele e foi qdo ele pediu pra eu parar e eu disse NÃO e ele dizendo q era errado aquele papo todo de moralidade q vou pular e ja fui abrindo o jogo pra ele e contando tudo sobre os longo dos anos mas tudo de tudo ele me fitou com os olhos e fui pra cima dele dei um beijo naquela boca gostosa ele retribuiu chupou meu pescoço e eu ja fiquei massageando o pau dele ele ja veio pra cima de mim me deixou de pé tirou meu short de pijama eu ha estava sem calcinha minha buceta tava toda melada e ja foi passando aquela língua quente chupando beijando me deitou no sofa e meu deu um banho de lingua e gemi muito e comi a minha mãe gemia ele me virou de frente e disse q precisava e nao q qria mas q precisava da minha bica no pau dele e eu chupei engoli o máximo q podia ele me pediu pra eu bater punheta com a boca e eu tentei o meu melhor e chupei aquele pau pulsante, fizemos um 69 e eu tremia demais pq sabia o q era tesão agora e foi qdo ele pediu pra eu nao me assuntar e pos a liguua no meu cú, me senti estranha mas qdo ele colocou dois dedos na minha buceta e a língua inteira no meu cu aí entendi e gozei nos dedos dele.
Fomos pro meu quarto ele me carregando no colo e dizendo q depois daquilo as nossas vidas nao seriam mais a mesma pensei na hora FODA SE e me deitei na cama ele foi por cima e colocou seu pau grosso devagar com carinho dentro de mim, senti q na verdade perderia a virgindade agora pq era grosso e maior q o do meu namorado e ele colocou eu sentia dor e tesão e a dor foi embora e ficou so tesão ele bombou gostoso devagar e depois foi aumentando e cada gozada minha eu ficava com mais tesão de ver àquele pau dentro de mim já tinha gozado duas vezes e foi quando ele disse pra eu ficar de 4 q agora ele qria gozar eu virei os olhos qdo ele entrou dentro de mim de 4 ele bombou umas10 ou 15 vezes gemeu alto e gozou dentro de mim pq ele sabe q tomo anticoncepcional uma porra quente uam gosada volumosa como se tivesse lavado minha buceta por dentro, com meu namorado so transamos de camisinha e eu gozei pela 3 vez com o pau dele dentro no total de 4 gozadas, comecei a tremer de tesão e me desmontei na cama depois senti uma ardência na minha buceta e vi q tava assada e ele com sempre gentil olhou deu um beijo nela e foi na farmácia comprar pomada....e depois disse e depois de muito diálogo ja transamos mais 1 vez q fui ao delírio e ate o fim de semana ele vai me levar no motel onde qro tentar sexo anal, saio muito com meu namorado transamos tbm, sou louca por ele mas sexo mesmo prazeroso e com o meu padastro.
E isso

Obrigado por ter lido o desabafo de Francielle.
Duas sugestões: Primeiro comente este desabafo em baixo e depois TOQUE AQUI e venha conhecer novas pessoas no chat amigosK.com
Visto recentemente no Chat:

Texto desabafado por Francielle , em Terça, 14 de Janeiro de 2020
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. Francielle agradece.
[ Tags ] leia mais sobre: anal     Enteada     sexo     oral     padrasto    
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de Francielle

Por favor seja construtivo nos seus comentários.

0
0
0
0