No Eu Confesso você desabafa em TOTAL ANONIMATO O que espera? Desabafe! Clique no botão à direita.

(A lista não inclui usuários em conversa privada) , são alguns usuários que estão no Bate-papo / CHAT. O que você está à espera? Junte-se a eles e divirta-se um pouco!! (att: para maiores de 18 anos apenas)

NOVA PLATAFORMA - Perguntas e Respostas:

Por mim depende? eu tinha algumas pessoas com quem eu ia acertar umas contas
» Clique aqui para continuar a ler ou para responder
Situação: quando um rico entra em um supermercado e compra um refrigerante ele paga um valor X, mas, se um pobre, assalariado, compra o mesmo refrigerante ele paga o mesmo valor que o rico, isto para todos produtos e situações. Como acho que deveria ser: ao fazer uma compra todo cidadão deveria apresentar um documento, […]
» Clique aqui para continuar a ler ou para responder

Traída e humilhada Feminino

Confissão ID: 221557 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.

Partilhar: Facebook Twitter Linkedin

Eu confesso que, fazem 11 anos que minha vida sentimental foi destruída e arrasada e a única culpada sou eu.

Deixei a paixão me arrebatar ao ponto de me cegar para o óbvio, sim eu me entreguei de corpo e alma para um homem que nunca me amou, embora mentisse descaradamente que me amava.

Estava comigo mas, se relacionava com outra mulher mais velha ao mesmo tempo, fazia planos comigo mas, foi com ela que ele escolheu ficar, casou teve filhos e construiu com ela tudo o que planejou comigo.

Graças a Deus descobri tudo, foi um ano terrível, naquele maldito ano ele se casou teve a primeira filha e eu... Lágrimas, tristeza e revolta! Dias maus, dor no peito e sensação de bolo na garganta, dias de vazio e perguntas sem respostas.

Nos dias que se seguiram, muito ódio e depois fúria, aí veio a culpa e negação, depois parecia que os sentimentos iam dar uma trégua mas, um misto de confusão saudades e desejo de nunca mais vê-lo me consumiam.

A verdade é que não fui amada e nem queria enchergar que era só uma questão de tempo para ser trocada, só eu não queria ver o óbvio.

Queria tanto ser feliz e não quis aceitar que eu era carta fora do baralho, ele construiu sua família, se casou e eu... Algo morreu em mim e se desfez nunca mais amei e não tenho mais interesse nisso, não tive filhos e estou só todos esses anos, acho que enquanto uns choram outros riem.

A vida é assim hoje me sinto bem só, acho que, protegida e segura o caos da dor e humilhação já passou eu acabei me acomodando na solidão.

Hoje sou uma mulher madura e que aprecia a solidão de verdade, sem apologia. Mas é claro que se tudo tivesse sido diferente eu seria completa, afinal eu sonhei sim em ser amada, querida, e por fim, viver as dores e as alegrias de ser mamãe, esposa, companheira.

Texto desabafado por Mulher de 40 , em Quinta, 23 de Maio de 2019
ÁUDIO: OUVIR O TEXTO - clique em OUVIR O TEXTO e aguarde um pouco - Pausar - Retomar - Parar
Quanto maior o texto, mais tempo demora a começar a leitura. Por favor aguarde.
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. Mulher de 40 agradece.
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de Mulher de 40

Por favor seja construtivo nos seus comentários.



Você já conhece a nova plataforma de Perguntas e Respostas?
Venha colaborar também no Eu Pergunto:

0
0
0
0