No Eu Confesso você desabafa em TOTAL ANONIMATO O que espera? Desabafe! Clique no botão à direita.

Acordem, compatriotas Masculino

Confissão ID: 252823 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.

Partilhar: Facebook Twitter Linkedin

O que vocês estão fazendo? O senso comum, hábitos e valores dos brasileiros e brasileiras (deve ocorrer em outras sociedades tbm devido a influência do neoliberalismo) são de baixíssimo nível social-comunitário e intelectual. Muitos carros trafegando diariamente, queimando combustível fóssil, muitos itens comestíveis industrializados, plásticos, exploração humana e de outros animais sensitivos de uma forma totalmente desequilibrada... Percebo que vivo numa distopia. A grande maioria dos habitantes da minha cidade são pigmeus mentais que só enxergam o próprio umbigo; reproduzem diariamente o senso comum de suas bolhas sociais; o saber científico e organizado é quase nulo. Acordem! Vivemos em sociedade! Nós precisamos uns dos outros numa relação solidária. Questione este senso comum estúpido que te faz reproduzir as mesmas ações dia após dia.

Obrigado por ter lido o desabafo de Rokka no Yuusha.
Duas sugestões: Primeiro comente este desabafo em baixo e depois TOQUE AQUI e venha conhecer novas pessoas no chat amigosK.com
Visto recentemente no Chat:

Texto desabafado por Rokka no Yuusha , em Domingo, 25 de Outubro de 2020
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. Rokka no Yuusha agradece.
[ Tags ] leia mais sobre: sociedade     natureza     humanidade     Sustentabilidade      racionalidade    
Atualmenteé quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissãoé ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de Rokka no Yuusha

Por favor seja construtivo nos seus comentários.

0
0
0
0