No Eu Confesso você desabafa em TOTAL ANONIMATO O que espera? Desabafe! Clique no botão à direita.

(A lista não inclui usuários em conversa privada) , são alguns usuários que estão no Bate-papo / CHAT. O que você está à espera? Junte-se a eles e divirta-se um pouco!! (att: para maiores de 18 anos apenas)

NOVA PLATAFORMA - Perguntas e Respostas:

Por mim depende? eu tinha algumas pessoas com quem eu ia acertar umas contas
» Clique aqui para continuar a ler ou para responder
Situação: quando um rico entra em um supermercado e compra um refrigerante ele paga um valor X, mas, se um pobre, assalariado, compra o mesmo refrigerante ele paga o mesmo valor que o rico, isto para todos produtos e situações. Como acho que deveria ser: ao fazer uma compra todo cidadão deveria apresentar um documento, […]
» Clique aqui para continuar a ler ou para responder

a obra acabou ou a verdade sobre a obra Masculino

Confissão ID: 202245 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.

Partilhar: Facebook Twitter Linkedin

a obra na casa do meu vizinho começou mais ou menos na metade do mês de junho de 2018 e acabou no dia 1 de agosto de 2018,a primeira confissão que eu fiz sobre a obra,já tinham se passado duas semanas que a obra já tinha acabado

sempre que eu citei nomes,eu modifiquei os nomes para preservar a minha identidade,eu queria ter começado a fazer as confissões sobre a obra quando a obra ainda estava rolando,mas eu achava que eu não conseguiria ajuda nesse site,pois a um tempo atrás,eu precisei da ajuda das pessoas desse site e ninguém me ajudou,por isso eu decidi só começar a falar sobre a obra depois que ela já tivesse acabado,eu nem mais entrava no site,mas resolvi voltar a entrar porque todos os momentos importantes da minha vida,eu escrevi nesse site,eu não poderia deixar de falar sobre a obra no site

agora eu vou dar alguns detalhes que eu não dei em outras confissões

eu tenho entre 20 e 30 anos,só que eu me sinto como se tivesse 90 anos,eu sinto como se a minha vida tivesse acabado,é como se a minha vida fosse aqueles filmes ruins que não tem mais história para contar,mas o autor não acaba com o filme,eu passo a maioria do meu tempo na internet,as vezes eu trabalho um pouco,mas eu não gosto de trabalhar,eu não preciso de dinheiro,eu não tenho despesas,não há nada que eu queira da vida,eu queria deitar e nunca mais acordar

quando a obra começou,eu pensei que eu estava errado,eu pensei pelo menos o meu vizinho está fazendo algo útil da vida,enquanto eu fico no computador o dia inteiro sem fazer mais nenhuma outra coisa,durante a obra eu trabalhei bastante,eu consegui juntar mais ou menos 200 reais,só que eu gastei esse dinheiro com comida,com refrigerante,com biscoito e produtos relacionados,depois de um tempo eu conclui que eu estava certo e o meu vizinho estava errado,não é justo ele me privar da única coisa que eu tenho que é o meu sono

a obra aconteceu junto com os jogos da copa,tinha vezes que eu queria dormir e o barulho das pessoas gritando durante o jogo do Brasil não me deixava dormir,a melhor coisa para mim foi quando o Brasil foi eliminado da copa do mundo

eu tenho problemas com a ansiedade,com a obra os meus problemas com a ansiedade aumentaram em 100%

eu sou uma pessoa que não reage,caso alguém faça algo que eu não goste,se eu puder ir embora,eu vou embora,eu nunca ajo motivado pela emoção,eu faço isso,pois eu tenho medo de agir por impulso e algo de ruim acontecer comigo,por causa desse meu jeito de ser,eu guardo muito rancor dentro de mim,eu odeio várias pessoas no mundo

quando a obra começou eu tive que reagir aquilo tudo,eu comecei a gritar que queria dormir,eu gritava até perder a voz,essa minha atitude surpreendeu até a mim mesmo,pois eu não sou desse jeito,eu procuro não reagir as coisas erradas que eu vejo,eu fiquei morrendo de medo de algo ruim acontecer comigo por estar reagindo a aquele barulho,boa parte da minha ansiedade foi por causa do medo do meu vizinho me punir por estar fazendo algo contra a obra

eu sinto muito medo de agir motivado pela raiva,essa é a explicação mais fácil de eu estar ansioso,eu deitava pensando que daqui a pouco o meu vizinho vai vir aqui e vai fazer algo contra mim

só que nada do que eu temia aconteceu

eu sei muito bem que a minha mente aumentou bastante aquilo que aconteceu,eu já esta ruim da cabeça antes da obra começar depois que a obra começou eu me virei uma pessoa fûdîdá da cabeça

agora eu me considero como uma pessoa doente,como uma pessoa traumatizada,mas eu vou superar esse meu trauma sozinho,as outras pessoas querem que eu procure ajuda profissional,mas eu não vou fazer o que elas querem,essas pessoas não fizerem o que eu queria quando eu precisei delas,eu também não vou fazer o que elas querem

essa obra foi o momento mais difícil da minha vida,foi o momento que eu mais sofri,nem quando a minha vó morreu eu sofri tanto quanto durante essa obra,pelo menos quando a minha vó morreu,tinha várias pessoas do meu lado,durante essa obra eu fiquei sozinho

agora eu estou fazendo de tudo para tentar me livrar do trauma que foi essa obra,antes da obra,eu me sentia um moribundo,durante a obra,eu senti que eu morri e fui para o inferno,agora eu me sinto como se eu tivesse fugido do inferno e tivesse que arranjar um jeito de lidar com aquilo tudo que aconteceu

o grande problema da obra é que eu me senti preso,eu não tinha como mudar o meu comportamento para me adequar a obra,eu me senti sem escolhas,eu não tinha como desistir de dormir

na casa ao lado a minha residencia,morava um homem,ele se mudou e o sobrinho dele começou a fazer uma reforma na casa e agora o irmão desse meu vizinho está morando nessa casa,isso é tudo o que eu sei sobre a obra

conseguir escrever sobre essa obra é um grande passo em busca da minha superação,falar sobre essa obra quer dizer que eu estou deixando o passado para trás,durante a obra eu cheguei ao meu limite,eu entrei no meu modo de sobrevivência,era como se eu tivesse na selva lutando para sobreviver

eu não pretendo mais fazer confissões sobre a obra,mas se eu achar necessário eu poderei postar novas confissões

Texto desabafado por marionete , em Sábado, 25 de Agosto de 2018
ÁUDIO: OUVIR O TEXTO - clique em OUVIR O TEXTO e aguarde um pouco - Pausar - Retomar - Parar
Quanto maior o texto, mais tempo demora a começar a leitura. Por favor aguarde.
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. marionete agradece.
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.

Comentários ao Desabafo de marionete

Por favor seja construtivo nos seus comentários.



Você já conhece a nova plataforma de Perguntas e Respostas?
Venha colaborar também no Eu Pergunto:

0
0
0
0