No Eu Confesso você desabafa em TOTAL ANONIMATO O que espera? Desabafe! Clique no botão à direita.

pub: Coloque a sua dúvida e surpreenda-se com a resposta. Clique para visitar o Eu Pergunto:

Respondida: por que sentimos inveja?

Respondida: ESTA CERTO ISSO???

IMPOSTO IMPAGAVEL Masculino

Confissão ID: 156589 - Por favor LEIA PRIMEIRO o texto antes de votar. Obrigado.

Partilhar: Facebook Twitter Linkedin

TENHO UMA EMPRESA DE DISTRIBUIÇÃO DE VERDURA QUE ESTÁ NO MEU NOME SOMENTE. COM A CRISE E VARIAS OUTRAS COISAS QUE ACONTECERAM NÃO CONSIGUIR CONTINUAR PAGANDO OS IMPOSTOS, E FUI LEVANDO NA ESPERANÇA QUE MELHORASSE E UM DIA CONSEGUISSE QUITAR ESSES DÉBITOS, O PROBLEMA E QUE AS COISAS SÓ PIORARAM DEVO MUITOS FORNECEDORES, MEU NOME ESTA COM RESTRIÇÕES.
MINHA PREOCUPAÇÃO E A SEGUINTE.
O QUE ACONTECE AGORA?
EU NÃO DOU CONTA DE PAGAR OS IMPOSTOS QUE ESTA EM TORNO DE UNS 190MIL REAIS.
EXISTE ALGUMA MANEIRA DE ENTRAR NA JUSTIÇA E NÃO PAGAR ESSE VALOR?
POR QUE A DIVIDA NESSE VALOR SE TORNA IMPAGAVEL PRIM NO MOMENTO VOU ESTA TRABALHANDO PROS OUTROS, NÃO DEVO GANHAR MAIS DE 2.000,00 FICA COMPLETAMENTE IMPOSSIVEL PAGAR ESSE VALOR.

Texto desabafado por HIGOR AGUIAR CAMARGO , em Terça, 03 de Janeiro de 2017
ÁUDIO: Ler o texto com idioma BR ou PT - Clique em BR ou PT e aguarde - Pausa - Retomar - Parar
Quanto maior o texto, mais tempo demora a começar a leitura.
  • Você já leu todo o texto? Por favor vote este desabafo, clicando nas estrelas. HIGOR AGUIAR CAMARGO agradece.
Atualmente é quase humanamente impossível ler todas as novas confissões que são publicadas diariamente. Se você considera que esta confissão é ilegal, não está de acordo com as regras (*) do Eu Confesso [* regras listadas na página de publicação de confissões] ou ultrapassa todos os limites do razoável, por favor relate, utilizando o link REPORTAR ABUSO. Obrigado pela sua colaboração.
[ Tags ] leia mais sobre: divida     conta     IMPOSTO     IMPAGAVEL     dividas    

Comentários ao Desabafo de HIGOR AGUIAR CAMARGO

Por favor seja construtivo nos seus comentários.

0
0
0
0